terça, 16 de abril de 2019 - 14:18h - 3354
POLÍCIA CIVIL INDICIA POR HOMICÍDIO CULPOSO O PROPRIETÁRIO DE UMA EMBARCAÇÃO QUE EXPLODIU NO IGARAPÉ DA FORTALEZA
A explosão, que causou a morte de três pessoas, ocorreu em novembro do ano passado.
Por: Assessoria de Comunicação
Foto: Polícia Civil

Nesta segunda-feira, 15, a Polícia Civil do Amapá, através da 1ª Delegacia de Polícia de Santana, indiciou pela prática do crime de homicídio culposo, o proprietário de uma embarcação que explodiu no Igarapé da Fortaleza, em Santana, no mês de novembro do ano passado.

A explosão causou a morte de Diemerson de Souza Lopes, Erick Bruno Almeida de Souza e José Everaldo Ferreira dos Santos. Esses homens trabalhavam com solda no tanque de combustíveis da embarcação, sem terem a expertise necessária para tanto.

O delegado Nicolas Bastos destacou que a investigação foi demorada, pois era imprescindível que fosse realizado um trabalho pericial municioso, o qual foi realizado pela Politec.

 "Quando o equipamento de solda foi acionado, o tanque explodiu. As vítimas trabalhavam a mando do dono da embarcação, sem qualquer qualificação técnica para isso, o que resultou em uma tragédia", frisou o delegado.

Uma das vítimas era enteado do indiciado.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

POLÍCIA CIVIL - Polícia Civil do Estado do Amapá
Av. Fab, nº 84 - Centro - Cep: 68900-000, Macapá - AP - (96) 2101-2800 - contato@policiacivil.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2022 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá